Páginas

domingo, novembro 21, 2010

Poema inocente

um poema inocente
para guardar a candura dos teus abraços
para eternizar o teu olhar doce
um poema doce para temperar teu coração

um poema incocente
para guardar os versos mais intensos
mais profundos de amor e desejo
e deixar tudo, no mais profundo segredo

um poema inocente
para clariar as noites escuras
para proteger a intensidade da tua luz

um poema inocente
para permitir que encontremos amor
mesmo diante da desilusão

um poema inocente
que guarde toda história
de uma grande paixão

Nenhum comentário: