Páginas

domingo, novembro 25, 2012

Dúvidas





Às vezes me encontro
Caminhando por uma estrada longa...
Olho pra frente e vejo
Na insegurança de passos  trôpegos
Histórias de vida que ainda não vivi...
Olho pra trás
E me seguro em um passado
Que ainda não esqueci
E nessa história de ter que decidir
Não sei se fico,
Se me perco dentro de mim
Não sei...
Há recortes dentro do peito
Há propagandas de pessoas felizes
Há traumas e cicatrizes
Há uma verdadeira história de amor
Há um abismo bem em frente...
E a dúvida permanente se devo pular...


Kethlene Vanzeler

quarta-feira, outubro 17, 2012

Breves recordações

O que me angustia é a saudade
a certeza da ausência
os beijos que não mais terei...

O que me entristece
é a saudade de um doce perfume
que se chamava felicidade...

Não adianta tentar esquecer...
na vida sempre guardamos as melhores fragâncias
sempre queremos bem o que nos fez bem!


segunda-feira, setembro 17, 2012

Arquitetar

Seja arquiteto da sua própria felicidade...
Rabisque novas idéias,
desenhe um mundo novo!
Quando uma linha não sair assim tão reta, apague, repense, reivente...
Não use sempre o mesmo cenário se ele nem sempre te traz tranquilidade...
O bom de viver é esse: poder arquitetar livremente nossos próprios sonhos, nossos passos, e não ser obrigado a aderir aos projetos dos outros, nem por falta de opção e nem por falta de criatividade, pois a visão do outro nem sempre cabe, nem sempre serve!
Viva, aja, crie, experimente!
Se reinvente!

Kethlene Vanzeler

domingo, agosto 05, 2012

Deixar

Se o coração pesa
e alma se cala
a mente se entorpece em pensamentos duros
e não há lugar onde as lembranças não possam chegar...
a solução é ir pro mar...
o jeito é esperar...
deixar a angústia passar...
o relógio caminhar...

Se a saudade tortura
e a visão fica turva...
deixa tudo no ontem
porque hoje é outro dia...
e o amanhã sempre virá...

Deixa a chuva cair...
a lágrima rolar...
tudo sempre há de passar...


Kethlene Vanzeler

sexta-feira, junho 22, 2012

Horas

Há horas que sai o sol e cai a tão temida tempestade...
Há horas que os sonhos se diluem e viram sal
a temperar lágrimas salgadas...

Há horas que nenhuma explicação é suficiente
e nem todas as palavras bastam
apenas porque não adianta nada...

Há horas que uma profunda neblina toma conta de tudo
chegando a parecer que o sol não mais voltará
que nenhum sorriso fluirá...

Há horas que um frio inesperado quase congela
não fosse pelo coração insistente em pulsar
não fosse pelas próprias horas que teimam em caminhar
não fosse pela certeza... de que ainda vamos nos encontrar...

Kethlene Vanzeler

quarta-feira, junho 13, 2012

Colcha de retalhos



Se o tempo não passasse tão depressa
Se não fosse tão difícil olhar pra trás e tentar entender o que houve
Talvez ainda existisse uma chance
Uma chance para não dizermos adeus
Uma chance para ainda sorrimos juntos
Mas nada no mundo é simples
O mundo é uma colcha cheia de retalhos bem costurados
E qualquer linha cortada pode significar um desmanche de toda a beleza da costura.
A vida nos permite fazer nossa própria colcha de retalhos...
mas não dá para voltar no tempo
E por isso aos poucos
Todos os dias costuro mais o passado e aos poucos vou te dizendo adeus...

domingo, abril 08, 2012

Prece II

Estas não são palavras lançadas à sorte
como folhas ao vento
como aves que migram sem direção
espero que essas palavras encontrem seu coração
e que você compreenda a força do significado delas
preciso que você saiba
que penso em você todas as manhãs
que meus sonhos buscam você
e eles sempre te trazem até mim...
Quando fecho os olhos é em você que penso
o seu rosto é a imagem que sempre encontro
rezo por você todos os dias
rezo para queos anjos te protejam
para que tua estrela sempre brilhe
rezo por sua liberdade
rezo para que esse amor nunca se acabe...
sonho com o dia em que você seja meu de verdade...

Kethlene Vanzeler

segunda-feira, abril 02, 2012

Sorte

Vou perguntar pro céu
onde foi parar minha sorte
pois ela não está comigo desde quando você partiu

tudo o que vejo são nuvens
de uma tempestade que insiste em inundar tudo

que sonhos podem virar realidade?
quantas vidas vivemos pra viver um amor de verdade?

vou caminhar no mundo
vou rir de tudo
vou deixar cair a chuva
vou deixar tudo passar...
até minha sorte voltar...
até você me abraçar...

Kethlene Vanzeler

terça-feira, março 06, 2012

Espera


O sol que faz brilhar meu dia
faz tudo se encher de alegria
até você chegar
até você me encontrar
Estou aqui esperando a timidez do teu olhar
a nossa voz se calar
e nem uma palavra será dita
até você me abraçar
pois nem tudo nessa vida
vale a pena lembrar
você vai fazer brilhar meu dia
e a saudade se acabará
estou esperando o seu amor
estou esperando o seu calor
espero todos os dias você chegar
meu sol nascer...
e você aqui para me amar...

Kethlene Vanzeler

Reach

The sun that brightens my day
everything is filled with joy
until you reach
until you find me
I'm here waiting for the timidity of your eyes
our voice to shut up
and not a word will be spoken
until you hold me
because not everything in life
it's worth remembering
you will make my day shine
and the longing will end
I'm waiting for your love
I'm waiting for your heat
I hope every day you get
my sunrise ...
and you here to love me ...


Kethlene Vanzeler

sábado, janeiro 28, 2012

Choro escondido


Te vejo de longe...

longe como nunca pensei que poderíamos

longe como uma canção do passado

que se escuta por acaso no rádio
e não suportando mais

escondemos o rosto nas almofadas
para abafar um choro

que ninguém pode escutar
nem eu mesma...
Você acredita que podemos ser amigos
mas amigos não sentem saudade do beijo do outro
amigos não se desejam
do jeito que eu desejo você...

Isso tudo porque tínhamos um paraíso
nós tínhamos tudo...

e agora quando olho tudo ao redor
percebo que restam apenas as canções antigas
que dedicávamos um ao outro

canções que agora não me levam a lugar nenhum
e quando a dor é muito forte
agarraro as almofadas
e sufoco o choro que ninguém pode ouvir
nem eu mesma...

quinta-feira, janeiro 26, 2012

Tortura

As lágrimas caem toda vez que encontro
tuas palavras rabiscadas em algum lugar
que deixei de visitar
que preferi esquecer e esconder

tuas palavras insistem em me buscar
e meu coração não consegue se curar

Há em mim mil devaneios
mil forças contrarias que lutam incessantemente

Há em mim um passado sempre presente
um passado que faz meu coração sangrar
uma dor, uma agonia que sempre quer me torturar...

sábado, janeiro 21, 2012

Lembrar para nunca esquecer


Obviamente lembrar de um fato significa que ele não foi esquecido. Mas posso dizer seguramente que há coisas na vida das quais realmente precisamos nos lembrar para que nunca, eu disse nunca, esqueçamos. Todos nós temos nossos exemplos internos.

A vida é recheada de acontecimentos, uns bons e outros nem tanto, e normalmente temos uma tendência fatigante de nos atermos aos fatos corriqueiros da vida. Se algo de bom acontece, estamos felizes, mas se o tempo fecha, a chuva cai, o sapato molha, pronto... a vida não presta!!!

(Risos)

Acontece comigo. Mas nos últimos anos da minha vida, venho aprendendo com alguém espetacular uma lição simples, porém muito valiosa, que tenho tentado lembrar todos os dias.

A lição do meu mestre querido é muito simples: encarar a vida com leveza. Só isso!

O computador pifou, a TIM saiu do ar, o dinheiro acabou, você se estressou, chorou, enfim, o mundo se acabou! Ok, esperneie, chore e até grite, mas nada vai mudar os fatos senão a forma como você vai lidar com eles. Tudo que nos acontece fica na nossa memória de acordo como vamos processar a informação.

Leveza é a palavra. Não há nada tão ruim que não possa melhorar ou piorar de acordo com a sua postura diante do fato.

Já disse alguém (cujo nome eu não lembro agora) que a beleza está nos olhos do observador. Podemos escolher do que queremos lembrar e como vamos lembrar.

A melhor parte da vida é aquela que é vivida, e não aquela que é apenas imaginada. Nem sempre acontece como queremos ou planejamos. Mas se escolhermos viver com leveza e harmônia teremos lembranças melhores. Esta não é uma tarefa fácil, mas é uma boa proposta para lembrarmos todos os dias.

Kethlene Vanzeler

quinta-feira, janeiro 19, 2012

Melhor amiga

Há frases e palavras que não se cansam
que não desistem de atormentar a paz do silêncio
do silêncio que existe no meu coração

se eu pudesseeu diria tudo
invadiria a segurança
e gritaria até todo mundo saber
que nada aqui dentro mudou

não há nenhuma surpresa nisso
você e eu sabemos que nunca seremos apenas amigos
nunca fomos apenas amigos

eu sou sua melhor amiga
mas também sou aquela que você queria que fosse sua para sempre
sou aquela que você esperava dormir
aquela que você carregava no colo
sou aquela que você jamais deixaria chorar

então venha aqui e diga todas as palavras que não foram ditas
e não me deixe mais chorar
vamos nos amar...
nosso amor nunca vai acabar...