Páginas

sábado, novembro 18, 2006

Eu

Eu


Em tudo que demonstrar-lhe
Serei eu...
Mulher, dona, sereia...
E em todo meu coração
Habitarás
Reflexão nua,
Pelo espelho da minha alma.
Serei vilã,
Mocinha,
Escreverei teu nome
nas paredes minhas
e o teu perfume
derramarei sobre mim,
esperando apenas,
que um dia
tu venhas consolar-me.

Um comentário:

Antonio Jacob disse...

Oie Keth...

Obrigado por ter escrito esse poema pra mim...

Fiquei tao emocionado...

HAuiAhuiaHuiahauiAHuaihaUIAHA

Te adoro, xatinha :P